Governo do Amazonas leva ‘caravana da educação’ a Tabatinga, para formação de 800 profissionais

O projeto Trilhas do Saber conta com mais de 78 circuitos formativos.

Portal Soberano

Mais de 800 profissionais da educação, das redes estadual e municipal, participaram da segunda edição do projeto Trilhas do Saber, do Governo do Estado. Desta vez, a iniciativa chegou ao município de Tabatinga com atividades. O projeto leva palestras, minicursos e oficinas pedagógicas que abordam temáticas relacionadas à qualificação de docentes e não docentes que atuam na cidade e nas comunidades ribeirinhas.

Continua depois da Publicidade

O Trilhas do Saber é um dos 13 projetos prioritários do programa Educa+Amazonas, lançado em julho, e contempla o eixo de qualificação e valorização dos profissionais.

As atividades iniciaram na noite de terça-feira (31/08), no auditório da Universidade Estadual do Amazonas (UEA), com a cerimônia de abertura.

Na quarta-feira (1º/09), as oficinas foram divididas entre as escolas estaduais Marechal Rondon e Conceição Xavier de Alencar, onde seguem até o fim da tarde desta quinta-feira (02/09).

Continua depois da Publicidade

Ao todo, o Trilhas do Saber, edição Tabatinga, conta com mais de 78 circuitos formativos, com ações planejadas e organizadas pelo Centro de Formação Profissional Padre José Anchieta (Cepan), da Secretaria de Estado de Educação e Desporto, em parceria com o Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam).

O secretário executivo adjunto pedagógico, professor Raimundo Barradas, acompanhou o primeiro dia de atividades em Tabatinga. “Esta oportunidade de formação é essencial para a retomada do ensino presencial, tão importante e necessária perante a realidade dos municípios amazônicos, onde a baixa conectividade prejudica diretamente as atividades remotas”, afirmou Raimundo.

Continua depois da Publicidade

Gerente de Formação do Cepan, a professora Adriana Rosa reiterou a importância de levar formação aos municípios do estado.

“Nosso intuito é potencializar a qualificação dos servidores da educação tanto estadual quanto municipal, alcançando todos municípios do Amazonas. Durante os dias de atividades, pretendemos orientar e também aprender sobre a educação do município, bem como impactar a realidades de gestores, professores, pedagogos e estudantes”, completou Adriana.

Continua depois da Publicidade

A coordenadora regional de educação do município de Tabatinga, Jucilene Barbosa, destaca a importância do projeto Trilhas do Saber, por atingir não somente os docentes, mas também todos os servidores que compõem o dia a dia nas escolas.

“Nós do interior temos uma grande dificuldade com o acesso à internet, então para que possamos fazer um curso de formação com tamanha eficiência e que atinja o maior número de servidores, porteiros, merendeiras, secretários e administrativos, é necessário que a formação presencial aconteça”, lembrou.

Para Jucilene, o projeto chega para preencher algumas lacunas que existem tanto no campo docente quanto no não docente e para fortalecer a gestão escolar.

Caravana – Para a execução das atividades de formação, a Secretaria de Estado de Educação e Desporto mobilizou cerca de 29 profissionais, entre formadores e técnicos. A Coordenadoria Regional de Tabatinga apoia a ação com 10 profissionais entre secretários, pedagogos, agentes de portaria, serviços gerais e outros.

As atividades estão sendo desenvolvidas com o Cetam. A próxima parada é o município de Manacapuru.

*Com informações da assessoria de imprensa