Governo do Amazonas avança com a construção do Anel Viário Leste

A obra tem previsão de conclusão para dezembro de 2022.

Portal Soberano

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Região Metropolitana de Manaus (Seinfra), avançou com a construção do Anel Viário Leste. O complexo que contempla 18,3 quilômetros de extensão, está com seis frentes de serviços, executando drenagem, terraplanagem, supressão vegetal, troca de solo, construção da terceira ponte e galeria.

Continua depois da Publicidade

Com investimento no valor de R$ 203 milhões, a obra apresenta o percentual de 18% de execução e tem previsão de conclusão para dezembro de 2022.

O Anel Leste inicia no trevo da avenida dos Oitis e terminará na avenida Margarita, no trecho compreendido no entorno da Reserva Florestal Adolpho Ducke. O complexo desviará o fluxo de veículos pesados do centro de Manaus, facilitando o deslocamento entre as zonas norte e leste da capital.

O contrato foi assinado em 2013 e o projeto ficou paralisado por cerca de cinco anos, sendo a obra iniciada somente em 2019, na gestão do governador Wilson Lima.

Continua depois da Publicidade

Benefícios – O Polo Industrial de Manaus será beneficiado com a facilidade no trajeto dos veículos que saem do Distrito Industrial com destino ao Aeroporto Internacional Eduardo Gomes e às rodovias AM-010 e BR-174.

Mobilidade integrada– Os complexos viários Anel Leste e Anel Sul são considerados a maior obra mobilidade urbana integrada construída em Manaus. Com 27 quilômetros, os complexos irão interligar as zonas norte, leste e centro-sul de Manaus. As obras irão proporcionar maior fluidez no tráfego, encurtando a distância entre as zonas da cidade, evitando congestionamentos e reduzindo o consumo de combustível e o tempo de transporte.

Continua depois da Publicidade

*Com informações da assessoria de imprensa