Projeto de reposição salarial dos servidores está entre 21 PL’s analisados nesta segunda (13) na CMM

Os vereadores ainda analisaram durante a sessão, outros 21 projetos, sendo 15 deles em deliberação.

Portal Soberano

A reposição salarial dos servidores públicos da Câmara Municipal de Manaus (CMM) em 5,19%, entrou em fase final de votação nesta segunda-feira (13/9), durante a pauta da reunião ordinária no Plenário Adriano Jorge.

Continua depois da Publicidade

A matéria teve o parecer favorável das comissões técnicas aprovado por unanimidade dos parlamentares que parabenizaram o reajuste como o vereador Raulzinho (PSDB), que enfatizou a importância dos servidores. “Temos que parabenizar a forma como o presidente deste Poder Legislativo, David Reis, conduziu esse processo, e são profissionais que merecem a nossa atenção, pois eles fazem parte de todo o funcionamento do parlamento”, enfatizou.

A opinião foi compartilhada pelo vereador Lissandro Breval (Avante), que também pediu a valorização contínua dos servidores. “É para ser comemorado por todos, pois são trabalhadores que nos tratam com muito zelo e repeito e que esse, seja o primeiro de muitos passos para a valorização deles, não só com a reposição, mas com cursos e oportunidades para eles”, disse o parlamentar.

O presidente da CMM, David Reis (Avante), agradeceu a participação de cada vereador no processo de votação da matéria e lembrou que os servidores são partes integrantes do poder legislativo. “Nós vereadores somos eleitos por um período de tempo, os efetivos não, eles são parte dessa Casa Parlamentar, e temos que entender isso, ou seja, os avanços precisam ser para o corpo e não de forma individual”, afirmou o presidente.

Continua depois da Publicidade

Os vereadores ainda analisaram durante a sessão, outros 21 projetos, sendo 15 deles em deliberação e que foram encaminhados para análise da Comissão de Constituição, Justiça e Redação.

Dentre eles, o de autoria do vereador Fransuá Matos (PV), que autoriza os supermercados, padarias e comércio em geral, a abertura de seus estabelecimentos, uma hora antes do horário normal, para atendimento exclusivo de pessoas idosas, em virtude de ocorrência de pandemias que coloquem em risco a saúde da população; o que institui no município Política de Combate ao Assédio Moral, visando a prevenção, repreensão e promoção da dignidade do servidor público, proposta pelo vereador Amon Mandel e o que assegura aos profissionais da educação, a oferta de aulas de capacitação que possibilitem a identificação de sinais de abuso moral, físico, sexual e exploração sexual infantil, matéria apresentada pelo vereador Marcio Tavares (Republicanos).

Continua depois da Publicidade

Ainda foi aprovado, o parecer favorável da Comissão de Economia, Finanças e Orçamento (Cefeo), ao Projeto de Lei do vereador Lissandro Breval, que cria o Plano de Regionalização da Merenda Escolar em Manaus.

*Com informações da assessoria de imprensa

Continua depois da Publicidade