Escolinha da Vila Olímpica de Manaus receberá investimento de R$ 1,1 milhão do Governo do Amazonas

As melhorias fazem parte do plano de reabertura gradual das atividades esportivas da Vila Olímpica de Manaus e demais praças administradas pela Faar.

Portal Soberano

O Governo do Amazonas, por meio da Fundação Amazonas de Alto Rendimento (Faar), irá investir o valor de R$ 1,1 milhão na Escolinha da Vila, ainda no mês de agosto, para o fomento do esporte de base como o basquete, futsal, tênis de mesa, judô e ginástica rítmica e artística. A Vila Olímpica de Manaus, localizada na zona centro-oeste da capital amazonense, também receberá melhorias de pintura, infraestrutura de pavimentação e nas instalações elétricas e hidráulicas.

Continua depois da Publicidade

“Esse investimento é essencial para os profissionais, atletas e federações que utilizam a Vila Olímpica. Vamos investir fortemente nas melhorias e dar a infraestrutura que o esporte de alto rendimento do Amazonas merece e, também, com um olhar sensível para a base de onde primeiro surgem os futuros campeões”, afirmou o diretor-presidente da Faar, Jorge Oliveira.

Além do investimento direto às Escolinhas, os espaços da Vila Olímpica como quadras, calçamentos, área destinada ao atletismo e o Centro de Ginástica do Amazonas passarão por revitalização. As melhorias fazem parte do plano de reabertura gradual das atividades esportivas da Vila Olímpica de Manaus e demais praças administradas pela Faar, conforme a Portaria nº 109/2021, publicada no Diário Oficial do Estado.

Apoio – A ginástica artística e rítmica do Amazonas conta com o investimento da Faar. As atletas Raicca Tomé, 13 anos, e Ana Carolina Pedrosa, 12 anos, foram atendidas com passagens de Manaus à São Paulo (SP) para a participação no Campeonato Brasileiro Juvenil de Ginástica Rítmica, que será realizado entre os dias 9 e 15 de agosto, na cidade de São Caetano do Sul (SP).

Continua depois da Publicidade

“Esse investimento, através das passagens, é muito importante para voltarmos às competições no cenário nacional. Investir na base é colher os frutos lá no futuro. Elas têm idade para chegar às Olimpíadas de Paris 2024″, comentou a treinadora das atletas, Giulia Pontes.

Espaço exclusivo para a prática da ginástica artística e rítmica, o Centro de Ginástica do Amazonas receberá atenção especial no plano de reforma dos espaços da Vila Olímpica. Além das melhorias na infraestrutura, o ginásio passará por reparos nas redes hidráulica e elétrica.

Continua depois da Publicidade

“Com o Ginásio fechado no período crítico da pandemia, a gente estava sem local para treinar. Aqui no Centro de Ginástica é onde tem a estrutura para as atletas se preparem para a competição. Então faz uma diferença enorme, e agora com o anúncio da revitalização do ginásio é mais que um incentivo. É maravilhoso”, completou Giulia Pontes.

*Com informações da assessoria de imprensa

Continua depois da Publicidade