Serafim defende ampliação de centros de reabilitação pós-Covid em Manaus

O parlamentar defendeu ainda que centros como este sejam replicados em bairros estratégicos de Manaus.

Foto: Divulgação

 

Portal Soberano

Continua depois da Publicidade

O deputado estadual Serafim Corrêa (PSB) destacou na manhã desta segunda-feira, 19, o trabalho realizado pelo primeiro centro de atendimento para pacientes pós-Covid que apresentaram sequelas, o Centro Especializado de Reabilitação (CER) Professor Rolls Gracie, vinculado à SEMSA (Secretaria Municipal de Saúde). O parlamentar defendeu ainda que centros como este sejam replicados em bairros estratégicos de Manaus.

“Nós que tivemos Covid sabemos como é importante esse atendimento, porque sempre ficam sequelas respiratórias e de outras ordens, mas principalmente as respiratórias. E eu que conheço o assunto, pois tive Covid e tive esse atendimento pós-doença, queria dizer que a Prefeitura de Manaus está fazendo esse atendimento, que é muito bem conduzido pelo Dr. Jerônimo Correia, que é um fisioterapeuta capaz, competente”, disse Serafim durante discurso na sessão híbrida desta segunda-feira, 19, da ALE-AM (Assembleia Legislativa do Amazonas).

O centro, inaugurado na gestão do ex-prefeito Arthur Neto (PSDB), é o primeiro da região Norte com essas características e oferece um serviço avançado de reabilitação respiratória àqueles com sequelas pulmonares decorrentes da Covid-19, além de atendimentos às Pessoas com Deficiência (PcDs).

Continua depois da Publicidade

O CER está localizado na rua Teresina, bairro Adrianópolis, zona Centro-Sul da cidade. O líder do PSB na ALE-AM parabenizou a manutenção do serviço feito pela titular da Semsa, Shadia Fraxe, na gestão do prefeito David Almeida (Avante).

“Esse é o primeiro centro e entendo e defendo a necessidade de que se repliquem centros de reabilitação semelhantes a este em outros bairros, porque Manaus tem 2,2 milhões de habitantes e só tem um centro de reabilitação. E rogo a Deus que esse modelo de centro se espalhe pelo interior”, declarou o parlamentar.

Continua depois da Publicidade

Para ter acesso ao serviço é necessário estar fora do período de transmissão e ter encaminhamento médico para a fisioterapia respiratória.

 

Continua depois da Publicidade

*Com informações da assessoria de imprensa.